ARARIPINA

ARARIPINA

GOVERNO PE

FLOCÃO NOVO MILHO

ALIANÇA

SQS

SQS

BANNER DAVID

BANNER DAVID

HMSM 50 ANOS

HMSM 50 ANOS

O BLOG NO FACEBOOK

sábado, 12 de agosto de 2017

PETROLINA - RESTAURANTE POPULAR REDUZ GASTOS E DOBRA ATENDIMENTO

Reinaugurado em abril após uma ampla reforma, o Restaurante Popular de Petrolina tem mais uma conquista a comemorar. Em menos de quatro meses de funcionamento, o equipamento mais que dobrou o número de atendimentos diários e ainda vem registrando uma economia que deve chegar a mais de 50% ao ano.

Segundo a secretária de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, Kátia Carvalho, a economia está relacionada à redução dos gastos com funcionários terceirizados que foram substituídos pelos aprovados no processo seletivo realizado pela prefeitura em março deste ano.

“Nossa gestão conseguiu uma grande conquista, que foi a contenção de gastos com os funcionários terceirizados. Antes eram gastos cerca de R$ 408 mil ao ano com o quadro de funcionários, hoje nós já estamos registrando uma grande contenção e prevemos gastos de pouco mais de R$ 200 mil ao ano o que significa uma economia aos cofres públicos”, destaca a gestora.

Melhorias - O Restaurante Popular é um dos equipamentos de maior importância para a população de baixa renda e também dobrou o número de atendimentos que saltou de 600 para mais de 1.300 refeições por dia. O equipamento estava fechado após sofrer vandalismo e saques no final do ano passado e recebeu uma série de melhorias e reformas por meio de investimento superior a R$ 190 mil. 

Foram feitos troca de piso, portas e cercas; pintura geral, substituição de mesas, bancos e louças sanitárias; revisão elétrica e implantação de novo gradil. Ainda foram comprados equipamentos para cozinha como panelas, bandejas, refresqueira, além da instalação de uma TV e uma nova decoração para o refeitório.

O Restaurante Popular funciona de segunda a sexta-feira fornecendo almoço ao custo de R$ 1,50 das 11h às 13h30 e sopa ao custo de R$ 0,50 das 16h às 17h30.

Da ASCOM

Nenhum comentário: