ARARIPINA

ARARIPINA

GOVERNO PE

SQS

SQS

HMSM 50 ANOS

HMSM 50 ANOS

O BLOG NO FACEBOOK

quarta-feira, 3 de maio de 2017

PETROLINA - GARAPA E IATE CLUBE ESTÃO NA FINAL DA COPA TV GRANDE RIO DE FUTSAL


Dezesseis anos depois da vitória do Cartório contra o Rio Corrente, a Copa TV Grande Rio de Futsal terá uma final entre duas equipes de Petrolina. Nesta terça-feira, com o ginásio do Sesc lotado, Garapa e Iate Clube passaram por Trindade e Araripina, respectivamente, e vão decidir o título desta 21ª edição. A final será no sábado.

Trindade x Garapa

Luan fez história com o Trindade na Copa TV Grande Rio de Futsal. Com a equipe do Sertão do Araripe, ele conquistou o título de 2015 e foi terceiro colocado em 2016. Nesta terça-feira, porém, o camisa 9 viu-se pela primeira vez do lado oposto de seus antigos companheiros. Defendendo o Garapa, Luan foi decisivo e ajudou seu novo time a chegar pela segunda vez consecutiva à grande final da competição.

A vitória do Garapa na semifinal começou a ser construída em uma cobrança de falta sofrida por Luan, aos seis minutos da etapa inicial. Byolai cobrou forte no meio e abriu o placar. Três minutos depois, Carlos Recife marcou o segundo, complicando a situação do Trindade que, mesmo criando algumas chances, não conseguiu vazar a meta defendida pelo goleiro Rogério.

No segundo tempo, valeu a famosa Lei do ex. Primeiro, Luan completou a jogada de Byolai, tocou para o gol e marcou o terceiro do Garapa. A vaga foi confirmada com um golaço do ex-jogador do Trindade. O camisa 9 recebeu em profundidade, driblou o goleiro Mael e fez 4 a 0.

Iate Clube x Araripina
A segunda semifinal da Copa TV Grande Rio de Futsal foi sensacional. Teve de tudo: virada, empate nos últimos segundos, confusão, decisão nos pênaltis e goleiro brilhando. Foi assim que o Iate Clube, em sua primeira participação, conseguiu garantir vaga na grande final.

Após um primeiro tempo duro, com boas chances dos dois lados, mas sem gols, a segunda etapa foi de arrepiar. Faltando 15 minutos para o fim do jogo, Diego Pael acertou um chutaço de perna direita, no ângulo de Babiton, abrindo o placar para o Araripina. Perdendo, o Iate apertou a marcação e, em uma roubada de bola de Ricardinho no meio campo, chegou ao empate com Neidson.

O gol do Iate inflamou o torcedor petrolinense na quadra do Sesc. A alegria da galera ficou maior quando a bola sobrou na área e Neguinho virou o placar. Precisando empatar, o Araripina recorreu ao goleiro linha. A estratégia deu certo no último minuto. Após uma boa triangulação, a bola chegou até Tatu, que empatou a partida, levando a decisão para os pênaltis. Antes, os jogadores dos dois times se estranharam em quadra.

Na disputa de pênaltis, brilhou a estrela do goleiro Babiton Leone. O goleiro do Iate Clube fez dua defesas. A cobrança que garantiu o time de Petrolina em sua primeira final saiu dos pés de Tibúrcio, jogador mais experiente da equipe.

Do Globo Esporte/ Petrolina

Nenhum comentário: