ARARIPINA

ARARIPINA

GOVERNO PE

FLOCÃO NOVO MILHO

ALIANÇA

SQS

SQS

BANNER DAVID

BANNER DAVID

HMSM 50 ANOS

HMSM 50 ANOS

O BLOG NO FACEBOOK

terça-feira, 29 de março de 2016

ANTIRRÁBICA - PERNAMBUCO TERÁ 7.350 POSTOS DE VACINAÇÃO DE CÃES E GATOS NESTE SÁBADO

A Secretaria de Saúde de Pernambuco divulgou nesta terça-feira que o Estado contará com 7.350 postos de vacinação contra raiva para cães e gatos. No total, 184 municípios estarão envolvidos na ação que deverá imunizar 875.450 mil cães e 376 mil gatos, totalizando mais de 1,2 milhão de animais de estimação.

LEIA MAIS:



A campanha nacional será realizada neste sábado (2 de abril) e cada cidade fica responsável pela divulgação dos pontos de vacinação e horário de funcionamento. No Recife, por exemplo, a gestão municipal fechou parceria com o Exército Brasileiro para a realização da atividade. Na capital pernambucana, a ação será realizada das 8h às 17h e oferecida em 450 postos. 

A indicação da Secretaria de Saúde do Estado é imunizar animais a partir dos três meses de vida. A única contra-indicação para receber a dose antirrábica é para fêmeas no estágio final da gestação. A raiva é uma doença viral e infecciosa, transmitida por mamíferos. A vacinação desses animais é essencial para evitar qualquer caso de raiva humana. 

A enfermidade é uma doença 100% letal, transmissível de animal para animal e de animal para o homem, por meio da saliva. A passagem do vírus se dá no momento da mordida, arranhão e lambedura de qualquer mamífero infectado. Os cães são responsáveis pela maioria dos casos de transmissão da doença para o homem, mas animais silvestres, como morcegos, raposas e macacos também podem transmiti-la.

DADOS – O último caso de raiva humana em Pernambuco foi registrado em 2008, no município de Floresta. A transmissão foi por um morcego. Por cão, o último caso foi em 2006. Nos últimos anos, o registro de casos de raiva canina ou felina vem caindo no Estado. Nos anos de 2013 e 2014 não houve nenhum registro, já em 2015 foi confirmada apenas uma ocorrência de raiva canina.

RECOMENDAÇÕES MÉDICAS – Ao ser agredida por um animal, a pessoa deve lavar imediatamente o ferimento com água e sabão, e procurar com urgência o posto de saúde mais próximo. 

SINTOMAS - Cães raivosos apresentam agressividade (atacando pessoas e objetos) ou tristeza (procurando lugares escuros), salivação excessiva, dificuldade para engolir, latido rouco e paralisia das patas traseiras. Nos humanos, a doença ataca o sistema nervoso central, levando à morte. 

O tratamento profilático antirrábico também é recomendado para toda agressão por espécie silvestre (morcegos, raposa, cachorro do mato e saguis). O soro e a vacina para esse tratamento estão disponibilizados na rede do SUS, gratuitamente.

Do NE10

Nenhum comentário: