ARARIPINA

ARARIPINA

CÂMARA MUNICIPAL DE ARARIPINA

sábado, 3 de outubro de 2009

PETROLINA - ACIDENTE NA BR-428 ENTRE VAN E ÔNIBUS DEIXA 11 MORTOS


Um acidente na BR-428 em Petrolina, distante 635 km do Recife, deixou um saldo de 11 mortos e sete feridos na noite desta sexta-feira (2), quando um ônibus da empresa Progresso e uma van de placa HUV-2119, de Juzeiro-BA, chocaram-se de frente por volta das 22h40. A colisão ocorreu próxima ao Núcleo 10 do Projeto Senador Nilo Coelho e após o choque, o ônibus caiu por cima da van.

Todos os mortos estavam na van, mas, até o momento, cinco foram identificados: Ronaldo Martins da Silva, 26 anos; Rosimeiri dos Santos Oliveira, 31; Cláudia Patrícia Rodrigues de Miranda, 26; Rosana dos Santos Oliveira, 29 anos; e Joaquim Fernandes Cruz, de 58 anos. Os mortos estão no IML de Petrolina enquanto os feridos foram removidos para o Hospital de Traumas.

De acordo com informações preliminares, os passageiros da van estavam retornando de um velório no distrito de Cristália e todos residiam na cidade sertaneja. O ônibus dirigia-se de Petrolina ao Recife.

Corpo de Bombeiros, Polícia Rodoviária Federal, Samu e IML de Petrolina foram acionados para fazer o socorro das vítimas. De acordo com os Bombeiros, os passageiros da van faleceram por conta de esmagamento e alguns apresentavam até amputações.

IRMÃS SÃO ENTERRADAS - ACIDENTE MATOU 10 PARENTES QUE VOLTAVAM DE UM VELÓRIO

Foram enterradas na tarde deste sábado, no cemitério Campo da Paz, em Petrolina, Sertão de Pernambuco, duas das 11 vítimas fatais do acidente que envolveu uma van e um ônibus da Viação Progresso> A colisão ocorreu na noite dessa sexta, por volta das 20h30, na altura do KM 176, da BR 428, a 20 quilômetros do centro da cidade.

Rosimeire dos Santos Oliveira, 31 e Rosana dos Santos Oliveira, 29, voltavam de um velório de um primo na localidade de Cristália quando ocorreu o acidente.

Todos os 11 ocupantes da van - que eram parentes, com exceção do motorista - morreram no local. As informações iniciais indicam que o carro teria entrado na faixa do ônibus que ia de Petrolina para o Recife, com 31 passageiros.

Os corpos das duas irmãs - que trabalhavam numa feira livre de Petrolina - foram velados na residência da família, no bairro José e Maria, zona leste da cidade. A morte das duas deixou a família chocada.

"Elas viriam num carro com meu pai e, acreditando que o veículo ficaria muito pesado, resolveram vir na van. Quando não chegamos em Petrolina e soubemos do acidente, fomos logo pela dedução de que algo teria acontecido. Com a confirmação, só uma imensa tristeza que toma conta de todos", contou Roseane dos Santos, irmã de Rosimeire e Rosana.

A maioria dos mortos foi velada fora de Petrolina. Além das duas irmãs, também morreram no acidente: Ronaldo Martins da Silva, 26; Cláudia Patrícia Rodrigues, 26; Joaquim Fernandes da Cruz,58 (motorista da van); Marcelo da Silva, 29; Damiana Morais, 27; Soniana de Souza Neto, 21; José Paulo de Souza Neto, 23; Osiene Souza dos Santos, 27; e Carla da Silva Barbosa, 21.

O ACIDENTE - O impacto entre os veículos foi tão violento que os dois carros saíram da pista e o ônibus parou por cima da van, que ficou completamente destruída. Dos 31 passageiros do ônibus, apenas sete tiveram ferimentos leves e foram atendidos por equipes do SAMU.

Os restos da van estão na delegacia da Polícia Rodoviária Federal em Petrolina, enquanto o ônibus foi encaminhado para a garagem da Progresso.

Este é o segundo caso de morte de pessoas da mesma família em acidentes com veículo tipo van este ano em Petrolina. Em março, seis pessoas morreram na PE-122, trevo de Jutaí, distrito de Lagoa Grande.

Na época, as vítimas também saíram de Petrolina para participar de um velório na cidade de Araripina. De acordo com os sobreviventes, o carro bateu em um animal que passava na pista e capotou em seguida.

Fonte-Roseane Albuquerque
Núcleo SJCC/Petrolina

Veja Vídeo Abaixo

Nenhum comentário: