ARARIPINA

ARARIPINA

CÂMARA MUNICIPAL DE ARARIPINA

CÂMARA MUNICIPAL DE ARARIPINA
PRESIDENTE - LUCIANO CAPITÃO

FESTA 07 DE DEZEMBRO

FESTA 07 DE DEZEMBRO

quarta-feira, 9 de julho de 2008

SERRA DO SIMÕES - CHAPADA REALIZA CAPACITAÇÃO EM CISTERNA CALÇADÃO COM PEDREIROS AQUI NO SERTÃO

Terminou na última quarta-feira (03/07), a capacitação com os pedreiros que vão trabalhar na construção de cisternas calçadão, durante o Programa Uma Terra e Duas Águas (P1+2), da Articulação no Semi-Árido Brasileiro (ASA), em municípios da região do Araripe e do Sub-Médio São Francisco. O Centro de Habilitação e Apoio ao Pequeno Agricultor do Araripe (Chapada), entidade que atua como Unidade Gestora Territorial (UGT) do P1+2 em Pernambuco, foi responsável pela execução da atividade que aconteceu na Serra do Simões, município de Araripina, Sertão do Estado.
A capacitação durou sete dias e contou com a participação de dez pedreiros, um instrutor e da família que recebeu a cisterna. Ela teve como objetivo, capacitar os pedreiros na construção da cisterna calçadão, a partir do modelo padrão já existente da tecnologia. Na ocasião, os participantes tiveram a oportunidade de aprimorar os seus conhecimentos e trocar as suas experiências, já que muitos deles haviam trabalhado na construção das cisternas de 16 mil litros do Programa Um Milhão de Cisternas (P1MC), da Articulação no Semi-Árido Brasileiro (ASA). Segundo a agricultora, Dona Maria Santiago, a conquista da cisterna significa a realização de um sonho antigo. “Para mim, a chegada da cisterna é o começo de um novo tempo. Agora nós vamos poder produzir muitos alimentos, graças a Deus, um sonho realizado”, desabafa a agricultora.
A família de Dona Maria recebeu a cisterna do P1MC, considerada a primeira água, há quase dois anos. Antes disso, a família precisava se deslocar cerca de sete quilômetros para conseguir água de beber e cozinhar. Durante a fase piloto do P1+2 em Pernambuco, o Chapada irá implementar 87 cisternas calçadão distribuídas nos municípios de Araripina, Exu, Granito e Santa Cruz, na região do Araripe, e nos municípios de Afrânio e Dormentes, no Sub-Médio São Francisco.
O P1+2 é uma ação da Articulação no Semi-Árido Brasileiro (ASA), desenvolvido em Pernambuco pelo Chapada, em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) e Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA).
Mariana Landim –
Comunicadora Popular UGT CHAPADA/ASA

Um comentário:

Lucas JDL disse...

fredson você mais uma vez esta de parabéns nas suas reportagens!!!! espero que você sempre poste coisas que nos ajude a vivenciar cada vez mais a nossa cidade e Região parabens!!!!! cara!!!!